O ataque dos EUA ao general Suleiman é um ato de guerra